Dia dos Pais: conheça os servidores do TST que são verdadeiros “paizões”

Em: 09 de Agosto de 2018 às 06:13 PM

No próximo domingo (12) comemora-se o Dia dos Pais,  que servem de espelho no desenvolvimento das crianças. Atualmente, eles estão cada vez mais presentes na vida dos filhos, deixando para trás o papel de coadjuvante quando o assunto é a participação nos cuidados com os pequenos.

Um exemplo é o servidor Paulo Rená, do gabinete da ministra Maria Cristina Peduzzi. Pai do Martin de quatro anos e do Gaspar de três meses, ele optou por participar intensamente da vida dos filhos. Além de levar o filho mais velho à escola, Paulo faz questão de almoçar com a família todos os dias. Nas terças e quintas-feiras, Paulo acompanha o filho no judô e na natação e se divide com a esposa na tarefa de dar banho nas crianças e colocá-las para dormir.  “É uma alegria poder participar de tudo!”, descreve. 

Segundo o servidor, a ampliação da licença-paternidade para 20 dias, concedida  aos servidores públicos e aos empregados que fazem parte do Programa Empresa Cidadã, também auxilia na participação mais ativa do homem, desde o nascimento do bebê. “Ter a possibilidade de ficar quase três semanas de dedicação exclusiva ao meu filho, sem ter que me preocupar com o trabalho, foi muito importante não só para mim, mas para toda a família”, salienta.

No TST existem 1.060 servidores do sexo masculino. Destes, 672 são pais. Seis deles deixam o bebê no bercário. O  William Rezende é um desses pais que traz todos os dias o pequeno Dante, de oito meses ao Tribunal.

William também é do estilo “pai presente”: dá banho no filho e fica com ele durante a parte da manhã, enquanto a esposa trabalha. Nos finais de semana ele sai com o bebê para parques e locais diferentes da rotina, para que a criança faça atividades ao ar livre.

Outro paizão que circula pelos corredores do TST é o servidor Cláudio Feijó, secretário de Tecnologia da Informação e Comunicação do CSJT. Ele tem quatro filhos: Mateus de 20 anos, Vinícius de 18, Lucas de 14 e Felipe que fará 12 anos no próximo dia 20. O servidor ressalta que passa com os filhos o tempo em que não está no Tribunal, fazendo as refeições e passando o final do dia juntos.

“Acompanho os passos dos meninos. Fico preocupado o tempo todo, atento, com rastreador no celular, querendo saber a hora que saem e a hora que chegam. E faço questão de levá-los à escola e de buscá-los”, conta. “É uma correria boa, no final do dia temos a satisfação de encontrar todo mundo bem, contente”, ressalta.

Conheça também, na reportagem especial que a Coordenadoria de Rádio e TV preparou, a história do servidor Woltony, da SETIN, que é o orgulho dos filhos!

 (Viviane Gomes/TG Fotos: Fellipe Sampaio e Giovanna Bembom)

 

 

Última Modificação: 09 de Agosto de 2018 às 06:19 PM

 


Conteúdo de Responsabilidade da SECOM
Secretaria de Comunicação Social
Email: secom@tst.jus.br
Telefone: 3043-4907