Cursos, palestras e eventos - inscrições abertas Cursos, palestras e eventos - inscrições abertas

Desafios na aplicação da Súmula nº 126 do TST

Desafios na Aplicação da Súmula nº 126 do TST   Objetivo : Aprimorar o conhecimento e a técnica processual quanto à aplicação da Súmula nº 126 do TST no exame de...

2ª Oficina "Olhar Mais Adiante"

2ª Oficina "Olhar Mais Adiante" “Não espere a aposentadoria para ser feliz e realmente começar a viver. As pessoas que fazem isso descobrem que elas esperaram por muito tempo”. ...

Acidente do Trabalho - Aspectos Relevantes da Responsabilidade Civil

Curso Presencial Objetivo: levar os servidores à compreensão do acidente do trabalho e todas as suas múltiplas consequências. Público- Alvo: servidores lotados em...

20ª Semana do Servidor. Confira a Programação!

20ª Semana do Servidor Clique aqui para visualizar a programação e realizar sua inscrição !  

Gestão de Materiais - Curso presencial

  Gestão de Materiais Curso presencial   Instrutor: Paulo Rosso – É pós-graduado em Administração; Consultor do Banco Mundial na área de Catalogação e Padronização de...

Crase e Regência

  CURSO A DISTÂNCIA Crase e Regência     Tutor: Wagner Alves de Souza - possui ampla experiência na área, tendo ministrado diversos cursos de Atualização Gramatical,...

“CONGRC 2018 I - Conferência Nacional: Governança, Riscos e Compliance”

   “CONGRC 2018 I - Conferência Nacional: Governança, Riscos e Compliance”      Dias: 4 e 5 de outubro de 2018    Horário: das 8h às 18h30 (com...

Workshop - Gabinete Eletrônico

Workshop - Gabinete Eletrônico   Objetivo:  Trocar experiências com usuários dos sistemas PJe e Gabinete Eletrônico a fim de tirar dúvidas e repassar algumas práticas que...

Cursos, palestras e eventos - em andamento Cursos, palestras e eventos - em andamento

Sarau do TST 2018 - 20ª Semana do Servidor

  Está chegando o Sarau do TST de 2018, parte da programação da 20ª...

Prêmio Servidor Cidadão 2018

  O Prêmio Servidor Cidadão é destinado ao servidor que se destaque pela...

PROJETO BÁSICO E TERMO DE REFERÊNCIA

PROJETO BÁSICO E TERMO DE REFERÊNCIA   Curso presencial   ...

Oficina "Olhar Mais Adiante"

  Oficina "Olhar Mais Adiante" “Não espere a aposentadoria para ser feliz e...

Língua Portuguesa

    Língua Portuguesa Curso presencial   ...

Moodle a Distância

MOODLE CURSO A DISTÂNCIA INSTRUTOR DIONE SANTOS DE ALMEIDA, Graduado em Pedagogia...

Excel Avançado

EXCEL AVANÇADO VERSÃO 2010 Curso Presencial   Instrutor Marco Aurélio Lima...

O emprego da vírgula em 4 lições

O EMPREGO DA VÍRGULA EM 4 LIÇÕES Curso a distância   ...

Cursos, palestras e eventos - realizados Cursos, palestras e eventos - realizados

Votação - Prêmio Servidor Cidadão 2018

Está aberta a votação para escolha do vencedor do Prêmio Servidor Cidadão 2018!

- O link para votação será encaminhado para o e-mail dos servidores

- O link é individual e intransferível

- Cada servidor poderá votar uma vez

- A votação ficará disponível até dia 28/09

- O resultado será divulgado em 12/10

O vencedor será agraciado com as doações recebidas na Campanha Natal Solidário do TST.

 

Conheça os concorrentes:

 

Dados da Servidora

Nome:

Anna Waleska Rodrigues Maux

Lotação:

GMVMF

E-mail:

anna.maux@tst.jus.br

 

Dados da Instituição

Nome:
Comunhão Espírita de Brasília

Endereço:
Avenida L2 Sul, Quadra 604 lote 27

Site: 
http://www.comunhaoespirita.org.br/portal2/index.php

Descrição da instituição:
Fundada em 16 de janeiro de 1961, a Comunhão Espírita de Brasília conta hoje com mais de três mil alunos inscritos em seu estudo sistematizado.

No ano de 2017, foram arrecadadas mais de 71 mil toneladas de alimentos e 15 toneladas de material de limpeza que foram distribuídos para famílias atendidas e instituições espíritas do Distrito Federal.

O Departamento de Promoção Social-DPS, com 50 anos de assistência, apoiou, ano passado 313 famílias por meio do grupo de atendimento à família. Outras 466 aguardam na lista de espera.

Nos dados de 2017, cerca de 1.500 livros foram recebidos e utilizados pela biblioteca canguru e grupo de contadores de história para estimular o hábito de leitura entre crianças, adolescentes e adultos.

No mesmo período, a Comunhão recebeu mais de 170 mil peças de roupas, 18 mil pares de sapatos e 5 toneladas de roupa de cama, mesa e banho que foram doados a famílias atendidas e instituições espíritas do Distrito Federal.

Asilos e abrigos também recebem benefícios da comunhão. São 300 idosos por mês que contam com as visitas e assistência dos voluntários da DPS.

Nos dados de 2016, quase 4 mil livros foram recebidos e utilizados pela biblioteca canguru e grupo de contadores de história para estimular o hábito de leitura entre crianças, adolescentes e adultos

A geração de emprego e renda para integrantes das famílias acompanhadas também faz parte das iniciativas da comunhão, por meio de cursos de artesanato, culinária, auxiliar de escritório, costura, entre outros.

 

Informações sobre a atividade de voluntariado

Como você participa?
Assessora de Comunicação voluntária da instituição, coordenando uma equipe de mais de 20 jornalistas voluntários; e sou apresentadora de um programa no youtube no canal da Comunhão "Conversando com Mayse", com meio milhão de acessos, levando palavras de autoamor, autoconhecimento e autoajuda, juntamente com dois membros. Recebemos mais de 100 e-mails por semana , que respondemos com palavras de conforto, sobretudo se tratando de depressão e suicídio, e violência contra a mulher.

Desde quando participa?
2015

O que te motivou a desenvolver a ação voluntária?

O enorme sofrimento, sobretudo emocional, das pessoas de todas as idades e classe sociais. Nesse trabalho de divulgação e de comunicação da instituição, além de palavras de alento, ajudamos orientando, de diversas formas (jornal/panfletos/vídeos/palestras/internet) como buscar ajuda, tanto econômica (emprego, alimento), quanto psicológica, através do atendimento fraterno existente na Casa, com mais de 100 profissionais capacitados, atendendo nos sete dias da semana. A comunicação, nesse caso, leva a informação, o esclarecimento, a Palavra aos que dela necessitam.

Pessoas de VÁRIOS PAÍSES interagem com nosso programa semanal "Conversando com Mayse", que tem 500 mil seguidores, e que leva palavras de força e esperança.

 

Dados do Servidor

Nome:

João Tercio Silva Afonso

Lotação:

SETR1

E-mail:

joao.afonso@tst.jus.br

 

Dados da Instituição

Nome:
Projeto Pisco de Luz

Endereço:
Jip Clube de Brasília, St. de Clubes Esportivos Sul Trecho 4

Site: http://piscodeluz.org

Descrição da instituição:

Entidade sem fins lucrativos criada pelo André Viegas e voltada a ações sociais que visam instalar iluminação residencial por lâmpadas de led nas casas de quilombolas da Terra dos Kalungas, próximo à cidade de Cavalcante-GO (70km) e distante uns 400 Km de Brasília. Essas iluminações são mantidas por meio da captação de energia solar, utilizando-se uma placa fotovoltaica e uma central na qual há um conversor, bateria de lítio e uma placa de circuito inteligente que em conjunto fornece condições para se utilizar lâmpadas de led na iluminação das casas do kalungas. O sistema visa substituir lamparinas que são alimentadas por óleo diesel. Essas lamparinas emitem uma luminosidade de 15 lumens, enquanto as luzes de led do kit acima descrito emitem luminosidade de 150 lumens, ou seja, 10(dez) vezes superior. Outro grande benefício da iluminação a energia solar é a eliminação do risco de incêndio, bem como da fumaça tóxica da queima do óleo diesel, que atinge os olhos e pulmões dos usuários.

Por meio de um levantamento de campo a comunidade Quilombola dos Kalungas, no Vão do Moleque, possui aproximadamente 350 (trezentas e cinquenta) famílias. Na primeira ação do projeto, em junho/julho de 2018 foram beneficiadas 43 (quarenta e três) famílias e na segunda ação do projeto, em julho/agosto de 2018, mais 50 (cinquenta) famílias. Frise-se que 1 kit foi compartilhado por duas famílias em Moçambique, na África. Já foram beneficiadas cerca de 107 (cento e sete) famílias no Brasil e duas famílias na África.

Mas ainda faltam mais 250 (duzentas e cinquenta) famílias naquela região do Vão do Moleque.

Todavia, os recursos captados não são suficientes para uma próxima ação.

Precisamos de mais ajuda para consolidar a ação social.

O Povo quilombola do Kalungas recebeu a primeira promessa de eletrificação rural há 28 anos atrás. Havendo na região alguns postes com cabos de condução de energia há cerca de 13(treze) anos, contudo nunca foram energizados.

O projeto ganhou viabilidade com a adesão de jipeiros de todos os clubes de Brasília.

O candidato é sócio do Jimny Club de Brasília e em conjunto com os demais sócios efetivaram a doação de 13 kits de instalação na primeira ação social de junho/julho de 2018. Participou das duas grandes ações de instalações nas casas das 93 famílias já beneficiadas, tendo efetivamente feito instalações em 7 (sete) casas; 3 na primeira ação e 4 na segunda ação de 2018.

A região é de difícil acesso, daí o porque de carros 4X4 serem importantes no suporte logístico.

Cada Kit custa em torno de R$ 750,00 e cada carro de apoio gasta em torno de R$ 700,00 a R$ 1.000,00 por ação social.

Na primeira ação foram deslocados cerca de 40 veículos e na segunda cerca de 46 veículos.

O governo do estado de Goiás disponibilizou uma viatura e guarnição do Corpo de Bombeiros de Goiás para prevenção e socorro de eventuais sinistros.Todas as despesas são arcadas pelos participantes.

Há muitos vídeos sobre o Projeto Pisco de Luz na internet, com destaques para a Globo News, Jornal Nacional, Record, Jornal de Brasília entre outras.

A esperança de se classificar nesse concurso é dar maior visibilidade ao projeto possibilitando a captação de mais recursos.

Seria muito bom ter o pessoal da mídia do TST envolvido na próxima ação do projeto.

 

Informações sobre a atividade de voluntariado

Como você participa?
Sou voluntário. Participo da capacitação de voluntários, instalações de kits de energia solar, coordeno equipe de campo no deslocamento no cerrado.

Desde quando participa?
maio de 2018

O que te motivou a desenvolver a ação voluntária?
"Fazer o melhor" para levar luz, ainda que um "pisco de luz" para brasileiros que vivem na escuridão !

 

Dados da Servidora

Nome:

Liliane Habib Vieira Mendes

Lotação:

CCADP

E-mail:

liliane.mendes@tst.jus.br

 

Dados da Instituição

Nome:
Quanta Terapias Integrativas

Endereço:
SCLN 213 Bl. A salas 113/114 e 220

Site: 
Facebook: Quanta Terapias Integrativas; Instagram: @quantaterapias

Descrição da instituição:
O projeto "BodyTalk para Todos "surgiu do grupo de estudos de terapeutas de BodyTalk da Quanta Terapias Integrativas. Foi um meio de concretizar nosso desejo de expansão em atender, no amor e no acolhimento, todos os que nos procurassem, independente de sua queixa, condição física, emocional, mental, social, econômica. Em dois anos, o Projeto se expandiu, e foi além da primeira sala de atendimentos (hoje em 4 salas), do espaço para estudo (atualmente 30 terapeutas voluntários), e dos singelos 10 primeiros atendimentos (atualmente somamos cerca de 2.100 atendimentos). Nossa lema é "Seja a mudança que você quer ver no mundo", assim, procuramos nos despertar no melhor que podemos ser, no apoio e na fortaleza mútuas. Nosso coração e nosso projeto se expandem na medida do amor que ofertamos e aceitamos, em busca da unidade, do equilíbrio, e da harmonia, nos diversos sentidos da saúde.

 

Informações sobre a atividade de voluntariado

Como você participa?
Como terapeuta de BodyTalk voluntário

Desde quando participa?
Desde sua criação, há dois anos.

O que te motivou a desenvolver a ação voluntária?
O dispor a mim e ao outro no melhor do que posso ser a cada momento, e em unidade com os que pensam e agem com a mesma intenção.

 

Dados da Servidora

Nome:

Lúcia Helena Galvão Maya

Lotação:

SESAUD

E-mail:

luciahga@hotmail.com

 

Dados da Instituição

Nome:
"Crianças para o Bem", de Nova Acrópole

Endereço:
SHIN CA 09 conj. 18

Site: 
https://criancaparaobem.org.br/#quemsomos

Descrição da instituição:
Instituição internacional que se dedica a Filosofia, Cultura e Voluntariado em todas as suas sedes. Em Brasília, 175 crianças em situação de risco são atendidas durante todo o dia, recebendo aulas de ballet, musicalização, coral, flauta, teoria musical, Orquestra, recreação, artes marciais para autodefesa, inglês, espanhol, biblioteca, matemática, português, desenho, artesanato, contação de histórias, poesia, história e ciências, além de outros em regime de implantação. Melhor rendimento escolar, melhora na autoestima e convivência, além de maior equilíbrio e controle das próprias emoções através da música. A Orquestra já fez duas apresentações públicas em teatros da cidade. Além, disso oferecemos atendimento médico, psicológico às crianças atendidas e, em alguns casos, aos pais das mesmas, além de serviços de assistente social, através do Instituto Médico Seraphis, entidade que colabora com nosso trabalhos.

 

Informações sobre a atividade de voluntariado

Como você participa?
Fui fundadora do projeto e colaboro como voluntária até os dias atuais.

Desde quando participa?
11 anos, desde a fundação do mesmo.

O que te motivou a desenvolver a ação voluntária?
Necessidade de aportar em algo com as crianças das comunidades carentes que pudesse dar a elas uma perspectiva melhor de futuro.

 

 

Dados da Servidora

Nome:

Marcella Demberg Tito

Lotação:

CGDOC/CSJT

E-mail:

marcella.demberg@tst.jus.br

 

Dados da Instituição

Nome:
Projeto Reforçar

Endereço:
QE 40 Guará II

Site: 
Instagram: projetoreforcar

Descrição da instituição:

O Reforçar existe há 4 anos proporcionando reforço escolar gratuito para crianças, jovens e adultos da comunidade carente do Guará. 

 

Nasceu no coração de uma jovem de 20 anos, à época, professora de Matemática que leciona nas escolas particulares de Brasília, Ana Luíza Feitosa. 

Ao se deparar com as realidades opostas entre seus alunos e as crianças do

Guará a professora se sensibilizou e decidiu agir! Oferecer acompanhamento escolar, lanche e aulas particulares todos os sábados, das 14h às 16h nas salinhas da igreja local, o Ministério Carisma.

 

Depois de colocar sua ideia no papel a idealizadora do projeto convocou voluntários da mesma igreja que estivessem dispostos a doarem seu tempo para contribuir com a educação.

 

Ao colocar a faixa na frente da igreja, alguns adultos iletrados nos procuraram perguntando se atenderiam a eles também. 

Hoje em dia o Reforçar não é mais um projeto apenas, está estruturado com:

- Coordenação;

- Escala entre professores;

- Jiu-jitsu como atividade física segunda e sexta-feira à noite;

- Recreação na Páscoa e no Dia das Crianças, com piscina, jogos, brincadeiras e brindes e

- Distribuição de cadernos e estojos completos no ato da matrícula.

 

Ao longo desses 4 anos o projeto já atendeu a mais de 80 crianças de todas as idades, em 2018 temos 20 crianças cadastradas frequentando o reforço escolar e sendo acompanhadas juntamente com suas famílias.

 

O Reforçar estimula o aprendizado, mas também acolhe os estudantes para que acreditem mais no potencial deles, com abraços, elogios, brincadeiras, um lanche descontraído e com conversas que transmitem a importância de cada aluno para todos nós.

 

Informações sobre a atividade de voluntariado

Como você participa?
Coordenadora e Professora Voluntária

Desde quando participa?
2014

O que te motivou a desenvolver a ação voluntária?
O que me motivou foram as mães desses alunos. Eu sou mãe e sei o quanto é difícil estudar com meus filhos no dia a dia e principalmente na época das provas. Eu ouvi das mães que elas não conseguem ajudar os filhos por não terem estudo e não conseguem acompanhar a nota dos filhos por terem que trabalhar demais, às vezes em dois empregos. 

Acolher os filhos delas é a minha maneira de expressar gratidão pela minha vida.

 

Dados da Servidora

Nome:

Nayara Kelly Alves e Silva

Lotação:

GMHCS

E-mail:

nayara.silva@tst.jus.br

 

Dados da Instituição

Nome:
Creche Tia Ilda - Varjão

Endereço:
SHTQ, CJ A QD 5 7, VARJAO, BRASILIA

Site: 
 

Descrição da instituição:
A creche da Tia Ilda atua há mais de 10 anos na comunidade do Varjão atendendo cerca de 103 crianças de 2 a 12 anos. Não há cobrança de qualquer valor aos pais que são carentes. A única fonte de renda são doações e bazares feitos na própria creche aos sábados com produtos arrecadados. As crianças realizam todas as refeições na creche, além de aulas de reforço e dinâmicas organizadas pela Tia Ilda e suas cuidadoras.

 

Informações sobre a atividade de voluntariado

Como você participa?
Faço parte do Grupo do Benhê formado por amigos e servidores do TST desde abril de 2017. Auxiliamos, sem qualquer vínculo político ou religioso, diversas instituições ao longo do ano (já conseguimos ajudar 7 instituições desde o início do grupo). Escolhemos uma instituição e verificamos as necessidades da casa e realizamos campanhas de arrecadação de materiais. Então, realizamos as compras de itens como alimentos e materiais de limpeza. Nunca doamos dinheiro diretamente às instituições. 

Nossa primeira instituição auxiliada foi a Creche da Tia Ilda e realizamos uma grande festa para as crianças e arrecadamos alimentos e material de limpeza para 1 mês. Desde então, o Grupo auxilia a instituição constantemente com as campanhas, uma vez que a Creche não possui apoio regular, está constantemente necessitada de alimentos e itens para manter a creche em funcionamento. Muitas crianças apenas fazem refeições na creche em virtude da situação de risco social em que se encontram.

Desde quando participa?
Abril de 2017

O que te motivou a desenvolver a ação voluntária?
Sou voluntária em ações sociais desde 2009 em várias áreas. Já realizei apoio à famílias em estado de miserabilidade no entorno com visitas períodicas. Fui contadora de histórias em hospital infantil (HMIB) por 4 anos. Além da participação periódica em ações isoladas. E sempre me senti muito mais auxiliada do que ajudando. E, com o desejo que todos meus amigos sentissem a mesma energia ao auxiliar o próximo e amplificasse o apoio às pessoas que estão em estado de risco social, idealizei em Abril de 2017 o Grupo do Benhê. Com campanhas periódicas ao longo do ano, cada um doando um pouco, já conseguimos impactar quase MIL pessoas. A Creche da Tia Ilda se tornou uma instituição abraçada pelo Grupo do Benhê, não apenas por ser nossa primeira instituição auxiliada, mas pela garra e honestidade da sua idealizadora, Tia Ilda, que bravamente mantém a Creche em funcionamento com mais de 100 crianças atendidas.

 

Dados da Servidora

Nome:

Sue Ellen Karla Souza Brandão

Lotação:

GVP

E-mail:

sueellenk@gmail.com

 

Dados da Instituição

Nome:
ONG ANJOS DO BEM

Endereço:
CIDADE ESTRUTURAL

Site: 
 

Descrição da instituição:
É uma ONG destinada ao atendimento das familias carentes da Cidade Estrutural, com ênfase nas crianças em situação de risco.

 

Informações sobre a atividade de voluntariado

Como você participa?
Voluntaria

Desde quando participa?
2 anos

O que te motivou a desenvolver a ação voluntária?
Desde que me tornei mãe, o desejo de ajudar as crianças que vivem sem amor familiar cresceu no meu coração. Através de uma rede social conheci a ONG e comecei a ajudar. Desde então o sentimento de alegria em poder aliviar o sofrimento de alguém se tornou algo necessário na minha vida.

 
 
 
 
 

 

 

 

 


Conteúdo de Responsabilidade da CDEP - Coordenadoria de Desenvolvimento de Pessoas

Email: cdep@tst.jus.br

Telefone: (61) 3043-4153 / 3043-3732